Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Argentina’ Category

Está indo para Buenos Aires? Dê uma olhadinha no post para conferir algumas informações úteis.

O Aeroporto Internacional  Ministro Pistarini, mais conhecido como Aeroporto Internacional de Eazeiz, em Buenos Aires, é a porta de entrada para conhecer a terra do Tango. Está distante 35 km do centro da cidade.

Foto: Wikipédia

Se informe sobre as taxas cobradas no aeroporto, para embarque  internacional. Ver nesses sites:

http://www.diariodemochileiro.com/aeroportosbuenosaires/diariodemochileiro-aeroportos-buenos-aires.pdf

http://www.orsna.gov.ar

Para informações turísticas de como chegar à Argentina desde o exterior, qual a melhor época, compras, formalidades de entrada no país veja aqui: http://www.argentinianexplorer.com/portuguese/informacao.asp

Foto: icnews.com.br

Não esqueça de adquirir o mapa do Metrô de Buenos Aires – fácil de localizar, muito bem organizado, e de quebra uma exposição de arte nas paredes do metrô!

Metrô de Buenos Aires

Metrô de Buenos Aires

27

Painel no metrô

Algumas atrações que encontrarão da cidade de Buenos Aires:

Esse trem nos leva para a Estação Tigre –  vale a pena conhecer  e se desejar pode pegar um barco e  fazer um passeio pelo rio.

Trem para a Estação Tigre.

Trem para a Estação Tigre.

Interior do trem: confortável e com amplas janelas para admirar a paisagem.

55 tigre

Foto by Gina Moraes.

O Município de Tigre está localizado 33 km da cidade de Buenos Aires.

Foto by Gina Moraes.

O Tigre está localizado em uma parte do Delta do Rio Paraná, que é o quinto maior do mundo e o único que conduz a um rio de água doce. A área é constituída de muitos rios, igarapés e ilhas. Na cidade de Tigre tem uma estação fluvial, onde poderá pegar um barco para uma viagem ao redor das ilhas. Em muitas ilhas, existem parques de campismo e áreas para piquenique, onde você pode passar o dia todo pagando uma entrada.

56

Interior da Estação Tigre, by Gina Moraes.

Roteiros que podem ser feito a pé na cidade de Buenos Aires: Avenida de Mayo, La Boca, Palermo, Plaza de Mayo,  Puerto Madero, San Telmo, Recoleta.

Cemitério da Recoleta – “mausoleos”. É nesse lugar que está o túmulo de Evita Perón.

Mausoleo de Evita Perón – Cemitério da Recoleta

Evita Perón

Evita Perón

Portal do Cemitério da Recoleta.

Cemitério da Recoleta - Argentina, by Ginapsi.

Cemitério da Recoleta – Argentina, by Gina Moraes.

Atrações em Buenos Aires: Bosques de Palermo, Caminito em La Boca, Teatro Colon, Jardim Japonês, Jardim Zoológico, Museu de Ciência, Zoo de Luján, Estádio de Boca, Estádio River, Rua Florida, Casa Rosada, Cafe Tortoni, Museu de Belas Artes, Museu de Malba, Parque das Crianças, Jardim Botânico, Museu das Crianças, Reserva Ecologica Costanera Sur, Parque da Costa, Cemitério da Recoleta, San Telmo, Livraria Ateneo.

Compras em Buenos Aires: Shoppings, Outlets, Couro na Rua Murillo, Vinhos, Alfajores, Camisa de futebol, Centros Comerciais.

Mais informações úteis – Site: buenosairesturismo.

Quando é entrada gratuita para o museu?

X: Ingresso grátis.
F: Fechados

Museu:
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
Dom
Belas Artes
F
X
X
X
X
X
X
Arte Moderna
F
X
Arte Hispanoamericano
F
X
X
Arte Decorativa
F
X
Arte Popular
F
F
X
Arte Espanhol
X
Artes Plásticas Eduardo Sívori
F
X
F
F
Casa Carlos Gardel
F
X
Museu da Cidade
X
X

 

Eletricidade e Voltagem

A tensão elétrica na Argentina é de 220 volts, 50 ciclos de corrente alternada. As tomadas têm 2 orifícios cilíndricos ou 2 orifícios chatos mais um de descarga a terra.Convém viajar com um adaptador para estas tomadas.

Bancos e Troca de Dinheiro

Não faça câmbio no aeroporto. As taxas são muito baixas. Evite trocar dinheiro na rua.

Bancos: abrem às 10 e fecham às 15h. É possível fazer extrações de dinheiro e outras transações nos caixas eletrônicos, que funcionam durante as 24 horas.

Para trocar dinheiro em bancos e casas de câmbio devem apresentar um passaporte.

O melhor lugar para trocar de cheques de viagem é a sede da American Express: Arenales 707 (Plaza San Martín) centro de Buenos Aires.

Segurança em Buenos Aires

Buenos Aires é uma cidade tranquila para os turistas, mas vale a pena tomar algumas precauções para evitar problemas.

1- Cuidado com os taxistas pois costumam repassar notas de Pesos falsas. Procurem sempre pagar com notas “baixas”… tipo 10, 20 pesos, evitem pagar com notas de 100 e 50, pois muitos passam notas falsas no troco.

2- Não deixar sacolas e carteiras pendurados em cadeiras em lugares públicos.

3- Em lugares movimentados (Calle Florida, mercados, etc) Tenha cuidado com bolsas e carteiras.

4- Evite trocar dinheiro na rua.

5- Evite strip tease show oferecido na Rua Florida e do centro. Sempre roubam os turistas.

6- Cuidado com a bagagem no aeroporto e terminais de ônibus.

Importante:

Se na rua um pombo lhe sujar (ou sua roupa aparecer suja de repente), logo deverá aparecer alguém pronto para lhe ajutar a se limpar: é a pessoa que jogou a sujeira em você. Duarante a “ajuda”, ela tentará bater sua carteira ou roubar sua bolsa. Recuse veementemente a ajuda, segure bem sua bolsa ou sua carteira e grite POLÍCIA, POLÍCIA. O ladrão desistirá e irá embora.

Se uma mulher (e até mesmo homens) de aparência normal te chamar na rua para ver uma “apresentación” e ganhar massagens de meninas de graça, sem compromisso, na primeira vez, não dê atenção e saia! Na verdade elas são agentes de prostíbulos. Uma vez levados para “dentro” não te deixam sair, impedindo fisicamente até que se desembolse uma boa quantia em dinheiro. Esse tipo de golpe é bastante comum no centro, principalmente na Av. Corrientes, Calle Florida e Av. Lavalle.

Até breve!

Read Full Post »

A idéia da blogagem coletiva das nossas fotos “jacu”  foi da Silvia, do blog  Matraqueando.

Como todo mundo tem alguma foto engraçada, ou várias como é o meu caso, resolvi entrar na brincadeira.

Vamos às “pérolas” como disse a  Livi, do blog  Baianos no Polo Norte!

Essa foi na CNE – Canadian National Exhibition, em Toronto. O  gentil  cavalheiro  da Polícia Montada do Canadá  aceitou aparecer na foto conosco.  Olha o orgulho e a satisfação dele! O  oficial à esquerda é de papelão!

Image (3)

Outra  jacuzice que todo mundo já fez um dia… Vai dizer que nunca  abraçou um homem de lata?!rsrs.

Image (2)

Casa Loma, castelo estilo medieval – Toronto.

E um amigo urso?

Image (6)

Amigo Urso , no Eaton Centre – Toronto.

Ah! Olha o alce da CN Tower, Toronto. Tão fofinho!

City 15 (CNT-Gina e o  Alce)

Olha o “mico” ! Esses canhões estão espalhados por toda a  Quebec City. Relembram a história de lutas pela conquista da terra. Fui lá conferir!

???????????????????????????????

Aqui com meu amigo “Homem da Neve”, o Mascote de Québec.

Montmorency - Mascote de Québec.

Montmorency – Mascote de Québec.

Eu ao lado das famosidades  Samuel de Champlain e, logo atrás,  o Alphonse Desjardins,  no grande painel de Quebec.

NIK_2327

Painel em Québec.

Foto clássica:  como uma autêntica quebequense! Estrelando, minha filhota!

??????????????????????

Fotos “jacu”… Em Paris! Nem acredito!

???????????????????????????????

Mais outra… aff!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Torre Eiffel iluminada.

Segurando pra não cair, na escada rolante “enooorme”  do metrô em Viena!

??????????????????????

Essa foi pura crocodilagem!! Me pediram pra segurar os sorvetes! Quando vi já era tarde, mais uma  foto “jacu” pra coleção! kkkkk

Image (4)

Essa foi em Buenos Aires, no Jardim Japonês, tirando uma de gueixa:

Image (12)

Foto jacu nos Alpes Suíços: quase levantando vôo!!

Image (49)

Segurando a neve…ui!

Image (84)

Essas… sem comentários! kkkkkkkkkkk

Colossus 11

No Colossus (cinema) em Vaughan, próximo a Toronto.

Colossus 10

Cadê a coragem para patinar? kkkkkk

Patinação 10

City Hall – Toronto.

Não podia faltar essa jacuzice: Eu,  Elvis Presley e Michael Jackson!

???????????????????????????????

Sim, já fui até astronauta! rsrs

DSC_8209

Museu em Toronto.

Por que mesmo, a gente faz essas coisas?! Aff, surtei!!!

DSC_8889 - Cópia

Collingwood, Ontário – Lago Huron, próximo a Blue Mountain e Wasaga Beach Provincial Park.

Innsbruck – Áustria . Foto porta-retrato, não resisti! Tinha uma fila de candidatos esperando a vez para  tirar foto, rsrs. E no meio da turistada toda  pedi logo a quem para fotografar? Um casal  brasileiro. Só percebi depois.

???????????????????????????????

Foto jacu com a realeza! Turista não perde uma dessa, né? rsrs. Ainda leva a neta pra disfarçar!!kkkk

??????????????????????

Num shopping em Toronto.

E  em primeiro lugar… a foto “jacu” mais hilária de todas!! Em pleno Moulin Rouge!!! Todo mundo sentadinho, de repente…Pra que fui subir ali? Quando saiu o ar  vindo  debaixo… olha o que aconteceu!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Moulin Rouge – Paris.

Foto “jacu”  com direito a  strip-teaser, ninguém merece… kkkkk.

Turista tem cada uma …

E você, tem alguma foto ” jacu” pra mostrar pra gente?

Read Full Post »

Você  gosta de colecionar lembrancinhas de viagem?

É quase certo que levará de lembrança  algum cacareco ou badulaque como recordação. Talvez um imã, um botton ou  algum objeto do artesanato local… Qual a sua preferência?

E o que não faltam são lojinhas ou kiosques  abarrotados de souvenirs para agradar ao turista!

Os livros são os mais pesados, mas nem por isso escapam. Já caí nessa tentação! rsrs.

Livros em promoção com fotos belíssimas dos lugares que você visitou ou que pretende ir na próxima viagem. Irresistível!


Fotos de  todos os ângulos!

Ótimas lembranças dessas viagens!

Mi Buenos Aires querido, cuando yo te vuelva a ver…

Rever Paris é sempre bom.  E planejar a próxima viagem pra lá é melhor ainda!

Matrioshka (Bonequinhas russas) – quando vi na CNE – Canadian Nathional Exhibition  levei de lembrança  para recordar aquele momento.

Chinatown

Mais algumas canequinhas da minha coleção! Essas são brasileiras.

Flores e borboletas!

Festa da Uva, Rio Grande do Sul e mais uma caneca lembrando  o Natal  coberto de neve e o Teddy Bear!

Essas também são brasileiras

Pensa que acabou? Olha quanta tranqueira vem por aí!!!

Um pouquinho do Brasil

Boneca russa – CNE – Toronto (coisas típicas da Rússia)

Buenos Aires – Tango e o apreciado Chimarrão

Paris – Torre Eiffel

Madrid – D. Quixote e Sancho Pança

Essa é a Notre Dame de Montreal !

Como diz a música ” Recordar é viver…” !!!!

Umas  lembrancinhas  para  a  galera!!

Uffa!!!

Você já foi a Bahia?

Venha conhecer Salvador e seus pontos turísticos. Até  o próximo post!

Read Full Post »

Para que sua viagem a Buenos Aires seja tranquila e segura, algumas informações são úteis e devem ser seguidas.

Foto: Mario Blanchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer

Buenos Aires atrai turistas que buscam, principalmente, passeios, compras, visitas a museus, restaurantes, vida noturna e atividades culturais. Claro que há muito mais para se descobrir nessa bela cidade portenha.

Foto: BsAs weekly

Dicas importantes:

* Nunca  troque dinheiro na rua, nem faça câmbio no aeroporto onde as taxas são muito baixas. Opte pelas casas de câmbio ou bancos. Nesse caso precisa apresentar passaporte.

*Horário de funcionamento dos bancos: das 10h00min  às 15h00min. Você pode sacar dinheiro ou fazer outras  transações nos caixas eletrônicos. Funcionam 24 h.

*Cuidado com carteiras, bolsas e sacolas em lugares muito movimentados. Não deixe fora de sua vista, nem penduradas em cadeiras.

*Cuidado com sua bagagem nos aeroportos e terminais de transporte.

*Ao usar serviço de taxi procure pagar com notas baixas de 10 ou 20 pesos, pois alguns taxistas costumam repassar notas de pesos falsas quando recebem notas de cem ou cinquenta pesos.

*Evite show de strip tease em ruas do centro ou na Calle Florida. Eles aproveitam para  roubar os turistas.

*Se  você for vítima da sujeira de um pombo,  nunca aceite ajuda! Essa pessoa pode tentar  roubá-lo (se não foi o próprio que o sujou).  Segure a bolsa e chame imediatamente pela Polícia, o mais alto que puder.

* Não aceite convites para assistir show, apresentação, aplicar massagens, seja lá o que for. Geralmente eles atraem a pessoa para um lugar fechado e só libera recebendo dinheiro.

É bom saber:

Consulado e Embaixada do Brasil em Buenos Aires:

Carlos Pellegrini 1363, Telefone  4515- 6500.

Delegacia do Turista:

Atende consultas em português, inglês, francês, italiano e ucraniano.

Corrientes 436

Telefone: 4346 – 5748 / 0800 – 999- 5000

Defensoria do Turista:

Telefone: 4302 – 7816

SAME – Serviço de Ambulâncias para emergências – Gratuito

Telefone: 107 (ligação grátis)

Atendimento gratuito  24 h, em hospitais públicos para urgências.

Transporte em Buenos Aires:

Ônibus – só aceitam moedas. O bilhete é comprado dentro do veículo e o valor depende do seu  destino. Avise ao motorista pra onde vai e só depois é emitido o bilhete.

Lembrete importante:

Tenha em conta que os hotéis em todo país cobram 21% de IVA (imposto) sobre as tarifas. Antes de fechar a reserva, verifique se o imposto já está incluído no preço, para não ter surpresas posteriores.

Fonte: http://www.buenosairesturismo.com.br

Tomando certos cuidados sua viagem será maravilhosa!

Até breve.

Read Full Post »

É no bairro mais parisiense de Buenos Aires, Recoleta,  que encontramos uma escultura muito original.

Floralis Generica – flor de aço: ela se tornou mais um símbolo da cidade de Buenos Aires e é visitada por milhares de turistas.

A Floralis generica é uma escultura metálica, inoxidável, situada na Praça das Nações Unidas, entre a Avenida Figueroa Alcorta e Austria, no bairro Recoleta, e foi presenteada à cidade pelo arquiteto argentino Eduardo Catalano.

Está situada no centro de um parque arborizado, de quatro hectares, cercado por trilhas que oferecerem diferentes perspectivas do monumento, que está localizado acima de um espelho de água. Além da função estética, o espelho d’água protege o monumento.

A grande flor feita em aço inoxidável com esqueleto de alumínio pesa dezoito toneladas e atinge 23 metros de altura.

Sua construção foi autorizada pela Lei 638/01.

Ela representa todas as flores do mundo.

Foto: Wikipédia

Foto: Wikipédia

Uma das características da flor é um sistema elétrico que abre automaticamente e fecha as pétalas, dependendo da hora do dia. Durante a noite a flor fecha e emana de seu interior um brilho vermelho e abre-se pela manhã. Este mesmo mecanismo que abre a flor faz com que esta se feche na presença de ventos fortes. Ele abre todas as manhãs às 8h e termina ao pôr do Sol, em um horário que varia conforme a  estação.

Há quatro noites especiais em que as pétalas estão abertas: 25/05,  21/09, 24  e 31/12.

Dimensões:

23 m de altura –

16 metros de diâmetro, com pétalas fechadas

32 metros de diâmetro, com pétalas abertas

44 metros de diâmetro, base com água

Fonte bibliográfica: Wikipédia.

Vale a pena conferir!

Até  breve.


Read Full Post »

Seguindo em direção  sul da cidade está o bairro de San Telmo. Saindo da Praça de Maio e percorrendo a Av. Paseo  Colón chega-se ao bairro mais pitoresco da cidade de Buenos Aires.

É caracterizado pelo estilo colonial de suas casas e pelas ruas empedradas. É um bairro muito fácil de se percorrer a pé.

Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

No caminho passamos pela Faculdade de Engenharia construída  durante o segundo governo do General Juan Domingo Perón.

Foto: buenosaires.travel

Em frente a faculdade há um monumento chamado “Canto ao Trabalho”, do escultor Rogelio Yrurtia (1879-1950), com 14 esculturas desnudas distribuídas em  dois grupos:” O Esforço Comum” e “O  Triunfo”.

Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

Um gentil senhor me explicou o  que a escultura representa. Os dois grupos carregam um pesado fardo e são guiados pela ” fortaleza e a esperança da mulher”.

Devem ter notado  a autoria das fotos. Nessa viagem ainda não tinha blog e não registrei alguns monumentos porque a máquina já estava cheia e  eu só descarregava no hotel, à noite, enviando por e-mail.

Vale a dica: se prepare para guardar as fotos da viagem munido de todo recurso tecnológico que existe na atualidade. O que não  deve é perder o momento do “click”! rsrs.

Bem, continuando nosso passeio, San Telmo  está  ligado a história da cidade.  A Praça  Dorrego  é o coração do bairro. Aos domingos acontece  uma feira de antiguidades, que vai desde livros, pratarias, esculturas a roupas e discos antigos. Aos domingos, de 10 às 17h.

Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

Perto  da praça  Dorrego está a igreja que  deu origem ao nome  do bairro. A Igreja de San Telmo ou  Igreja de Nossa Senhora de Belém, na Calle Humberto I. Em estilo barroco pertence a ordem de San  Ignacio de Loyola.

Foto: buenosaires.travel

Por muitos anos San Telmo  foi o bairro das  famílias aristocráticas de Buenos Aires, mas  um surto de febre amarela matou muitos habitantes e fez com que as famílias mais ricas fossem para o norte e oeste da cidade.

Atualmente é um bairro com muitos restaurantes, cafés, galerias de arte, antiguários  e locais onde se pode ouvir e dançar o tango. É um bairro com atmosfera  boêmia e o preferido pelos artistas.

Lá na esquina  da Calle Chile com Defensa está a estátua da Mafalda!

Foto: Beatrice Murch – Wikipedia

A escultura está em frente ao prédio que o quadrinista  Quino, seu criador, morou durante muitos anos. Que tal tirar uma foto com ela? A  inauguração aconteceu depois da minha estadia em Buenos Aires. Que pena! Mas na próxima viagem à capital argentina estarei lá.

Seguindo a Avenida Paseo Colón,  no sentido sul,  chega-se  ao Parque Lezama. Com muitas esculturas espalhadas pelo parque, entre elas o “Mirador de las barrancas” , vale uma visita ao Museu Histórico Nacional (antiga moradia da família Lezama) e a Igreja Ortodoxa  Russa,  semelhante a encontrada em Moscou, na Praça  Vermelha. Tem peças de grande valor doadas pelo Czar Nicolás II.

Mirador de las barrancas, Buenos Aires.
Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

Igreja Ortodoxa Russa, em Buenos Aires.
Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

Igreja Dinamarquêsa em Buenos Aires – A torre e os tetos da igreja correspondem ao estilo neogótico.

Foto: buenosaires.travel

Outra atração é  A casa mínima, na  San Lorenzo 380.
É uma construção da segunda década do século XIX. Sua fachada mede 2,17 metros de largura. Antigamente era comum que estes tipos de complementos às casas fossem ocupados pelos escravos da família. Outros acreditam que foi uma má distribuição de terreno que deixou esse “pedaço inútil”.

Foto: Mario Banchik, Oscar Flores, Miriam Schvemer.

Outra dica:

Para os viajantes de primeira viagem ou para quem ainda não foi a Buenos Aires  o site abaixo tem informações detalhadas (e preciosas!) sobre  turismo em Buenos Aires. Vale conferir:

http://wikitravel.org/pt/Buenos_Aires

Como chegar a feira de San Telmo:

Linhas de ônibus: 22, 24, 28A, 28B, 29, 33, 54, 61, 62, 74, 86, 93, 126, 130, 143, 152 e 159.

Até  o próximo post.

Read Full Post »

O Jardim  Zoológico de Buenos Aires é uma ótima opção para quem vai com crianças.

Eu  e mais duas colegas resolvemos  fazer um tour no Zoo de Buenos Aires. Viajar  em grupo e dividir  despesas de  hospedagem, além da companhia, é uma boa opção.

Ficamos surpresas com a conservação do Zoo e o cuidado com os animais.

O Zoo ocupa uma área imensa, 18 hectares, no bairro de Palermo em frente à Praça Itália. Abriga mais de 2.500 animais, entre répteis, mamíferos, aves e peixes.

Em 1997 foi considerado Monumento Histórico Nacional. A principal entrada é pela esquina da  Av.  Sarmiento com a  Av. General Las Heras. A outra entrada é pela  Avenida Libertador  com Av. Sarmiento.

Foto: Wkipédia

Nos fins de semana carruagens de passeio aguardam  nas entradas do Zoo para percorrer  a Praça Itália, o Rosedal, o Zoo e os Bosques de Palermo. Não sei o valor do passeio.

Algumas atrações do Zoológico:

Aquário                                                 Casa dos Répteis

Floresta subtropical                       Passeio em Barco                  Cinema 3D

Lago Darwin

Leões Marinhos

Urso Branco

Hipopótamo

Exposição de Borboletas

Tigre Branco

Um dos prédios do Zoo Buenos Aires. Foto: Wikipédia

Passeando no Carroussel do Zoo de Buenos Aires.

Camelo ou dromedário?

 

 

 

 

 

 

 

Esse é um Camelo! Ou melhor, Camelus dromedarius. Só tem uma corcova, onde armazena gordura e não água, como muita gente pensa. A gordura é fonte de energia.

 

Acertou? O primeiro é um Camelus bactrianus. A diferença é  a corcova! O bactriano tem duas.

Viajar também é cultura! Aprendi muito nas minhas andanças, hehehe!

Elefantes

Chimpanzé  dormindo  à sombra depois de várias peripécias nas cordas.

 

Gazelas – “Gazela” é oriundo do  árabe gazaiâ.

As gazelas vivem em manadas e têm um temperamento nervoso e assustadiço. Os filhotes são muito vulneráveis contra os predadores. Quando pequenas, as gazelas não têm cheiro. Com essa vantagem, os pais escondem sua cria no pasto mais alto, dificultando a ação dos predadores. São animais extremamente velozes, podendo chegar aos 70 km/h. Têm boa visão e uma excelente audição. (Wikipedia)


Girafa

Para saber mais informações sobre o ZOO e o mapa  clique aqui.

Como chegar ao Zoo:

Linhas de ônibus: 10, 12, 15, 21, 29, 34, 39, 41, 57, 59, 60, 64, 67, 68, 93, 95, 111, 118, 128, 141, 152, 160, 161, 188 e 194.
Linha de metro D: Estação Plaza Italia

Horário: Segunda a Sexta de 10 às 17 horas. Sábados, domingos e feriados, das 10 às 18 horas.

Informações: http://www.buenosairesturismo.com.br

Veja o mapa:

DICA:

Outra boa opção é o Zoológico de Luján, que fica  a 75 km de Buenos Aires. Lá você pode segurar no colo um filhote de leão, dar comida a elefantes… É tudo natural como numa fazenda! Você pode andar de dromedário e muitas outras diversões. Entre no site oficial do Zoo de Luján.

É fácil chegar na Fundação Ecológica Zoo de Luján, de ônibus saindo Buenos Aires ou de trem (estação 11 de setembro)   até Moreno e de lá pega um ônibus para o Zoo. Sai mais em conta ir de trem. Se informe sobre onde é o ponto de parada, passe por baixo da estrada para ver a entrada do Zoo. Bom divertimento!

Até o próximo post.

Read Full Post »

Older Posts »